Sábado, 11 de Julho de 2020
Telefone: (54) 3385 1019
Whatsapp: (54) 996691013
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Alguns chuviscos
16°
13°
13°C
Tapera/RS
Alguns chuviscos
No ar: STUDIO ACÚSTICO – As suas músicas favoritas desplugadas.
Ao Vivo: STUDIO ACÚSTICO – As suas músicas favoritas desplugadas.
Notícias

Curta os projetos do Campus Ibirubá na Feira Brasileira de Jovens Cientistas

O projeto é finalista na Feira Brasileira de Jovens Cientistas e uma das premiações é pela soma de votos que o projeto tem.
Curta os projetos do Campus Ibirubá na Feira Brasileira de Jovens Cientistas
Valentina Beituni, Lucas Lenhardt e Renan Poy. Alunos do Instituto Federal de Ibirubá
27.06.2020 12h51  /  Postado por: Francis Ravanello

Os alunos Valentina Beituni, Lucas Lenhardt e o Renan Poy, alunos do Instituto Federal de Ibirubá desenvolveram o projeto “Biocense” e ele hoje é finalista da Feira Brasileira de Jovens Cientistas, totalmente on-line e que iniciou ontem, sexta-feira (26), e vai até amanhã, Domingo (28).

O objetivo do projeto foi desenvolver uma mídia social na qual os pesquisadores, em especial biólogos, possam criar perfis para catalogar e compartilhar informações sobre a biodiversidade existente. Essa interação facilitará a pesquisa e o desenvolvimento científico ao viabilizar a criação de um banco de dados que permite o acesso a informações taxonômicas de qualquer lugar do mundo.

Para o desenvolvimento do projeto foram utilizados métodos da Engenharia de Software na elaboração da documentação e diagramação do sistema, conceitos de Interface Humano-Computador e práticas de orientação a objetos na programação

Para a contextualização do projeto, foram feitas entrevistas com um especialista com o objetivo de trazer a parte técnica e o conhecimento biológico ao sistema.

Com a aplicação dessa metodologia foi obtido um sistema totalmente funcional, intitulado Biocense, em que todos os requisitos essenciais foram implementados, possibilitando o cadastro de novos usuários, catalogação de espécies, compartilhamento dos registros e um sistema de seguidores.

Dessa forma, a partir do uso desta inovadora rede social poder-se-á ter um lugar onde os usuários têm acesso a dados taxonômicos provenientes de todos os lugares e regiões, democratizando assim essa informação para qualquer tipo de uso, seja ele acadêmico, profissional ou pessoal.

O IFRS Campus Ibirubá tem dois projetos participando da Feira Brasileira de Jovens Cientistas (FBJC) e que precisam do seu like para ganhar essa etapa. Segundo o site do evento: “A partir da divulgação oficial dos projetos finalistas, o vídeo e o resumo de cada projeto serão divulgados no site oficial do evento, acompanhados da opção de “curtir”. O projeto com mais curtidas será o ganhador desta premiação”.

Então, auxiliem nossos estudantes acessando a página e curtindo os projetos abaixo:

DISPERSÃO DE ARGILA EM LATOSSOLO APÓS CALAGEM, GESSAGEM E MANEJOS DE SOLO

BIOCENSE: A REDE SOCIAL QUE DEMOCRATIZA O CONHECIMENTO SOBRE A BIODIVERSIDADE

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.